Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/02/14 às 18h08 - Atualizado em 30/10/18 às 15h10

Servidores são qualificados para o manejo de Materiais de Esterilização em Samambaia

COMPARTILHAR

O objetivo é aperfeiçoar o processo nos hospitais

 

Os técnicos de enfermagem e enfermeiros da Central de Materiais Esterilizados (CME) da Regional de Saúde de Samambaia e de outras regionais participaram nesta sexta-feira (21), de uma capacitação com a finalidade de aperfeiçoar os profissionais em relação aos processos de esterilização dos materiais médico-hospitalares.

“Esse momento é importante por trazer conhecimento aos nossos servidores, além de buscar atualizá-los e assim facilitar o seu trabalho”, informa a enfermeira supervisora da CME do Hospital Regional de Samambaia, Egivânia Ferreira.

Para a chefe do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS) de Samambaia, Lyvia Folha, a Central de Materiais Esterilizados (CME) exerce uma função de extrema importância. “A CME é o coração do serviço hospitalar. Pois, é o local em que o material é devidamente preparado para outros procedimentos, sem risco algum de contaminação”, disse.

A capacitação, que foi promovida pelo Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS) da regional e pela supervisão da CME do Hospital Regional de Samambaia (HRSam), contou com a participação de aproximadamente 40 pessoas, dentre servidores do HRSam, centros de saúde, clínicas da família e também das regionais do Gama, Taguatinga, Ceilândia, São Sebastião, Hospital de Apoio e HBDF.
As palestras foram ministradas pela enfermeira da CME do HBDF, especialista em bloco cirúrgico, Simone Dias da Costa Dantas e pelo especialista em enfermagem cardiológica da Indústria Farmacêutica FBM de Anapólis, Jonatan Luiz da Silva.

Central de Materiais Esterilizados (CME)

A CME é uma unidade destinada a receber material sujo e contaminado. Nesse local, os materiais passam por vários processos, como limpeza, preparo e esterilização. Além deles, as roupas limpas oriundas da lavanderia passam também pelo preparo e esterilização.

Por Iêda Oliveira, da Agência Saúde DF
Atendimento à imprensa:
(61) 3348-2547/2539 e 9862-9226